Fazer caridade à custa de que?



Há quem doa roupas para proteger do frio,
Mas não consegue esquentar um coração.

Há quem dá toda sua riqueza aos pobres,
Mas não lhes dá voz nem dignidade de agir por si.

Há quem ao pobre dá trabalho,
Mas continua o vendo como ninguém.

Há quem reclame da inércia e da falta de protagonismo dos moradores de rua,
Mas nunca acredita na capacidade deles de pensar, decidir e agir por si próprio com assertividade.

Há quem doa alimento para nutrir o corpo de um mendigo,
Mas suga sua alma com a indiferença da própria altivez.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Frases do Livro: Na Natureza Selvagem

MULTI, INTER E TRANSPROFISSIONAL

Surdez e Déficit de Atenção